NO AR
Salvador FM
Política
Compartilhar

“Não tem comparação”, diz secretária após Leo Santana questionar público em estádios e shows

Por Alexandre Galvão e Juliana Nobre no dia 29 de nov - 10h28 | Foto: Alexandre Galvão

“Não tem comparação”, diz secretária após Leo Santana questionar público em estádios e shows

A secretária de Saúde da Bahia, Tereza Paim respondeu ao cantor Leo Santana que vem questionando o limite de público em shows na Bahia. Na semana passada, o artista publicou nas redes sociais a indignação ao comparar o público na Fonte Nova – aproximadamente 35 mil pessoas – e o público liberado para shows: três mil. “Não tem comparação”, disse a chefe da pasta ao LDNotícias, na manhã desta segunda-feira (29).

A gestora explica que o tempo de exposição é diferente e a abrangência é muito maior. “No geral, os estádios são completos por munícipes, torcida única e uma cobrança efetiva do passaporte vacinal. Então, óbvio que a gente torce mais do que os torcedores que os 70% das pessoas que vão pros estádios não fiquem aglomeradas. Essa é uma questão cultural das pessoas, mas não se compara ao Carnaval, e isso deve ficar evidente”, justificou.

Paim ainda reforçou que é cedo falar sobre a festa momesca ainda em novembro, já que se vive um momento diferente com a pandemia, e mostrou preocupação com a nova variante africana. “Nós estamos em novembro e mesmo que as pessoas precisem estar contratadas, mobilizadas, nós não podemos falar sobre Carnaval ainda. Estamos vendo a chegada de uma nova variante que não conhecemos ainda. Então tudo isso é muito precipitado ainda para já estarmos discutindo e colocarmos à prova a gestão que quer cuidar da saúde. E o governador [Rui Costa] quer cuidar da saúde e é isso que interessa”. 

Relacionadas

Assista no Youtube

Verão Salvador: Como manter uma alimentação saudável na estação mais quente do ano

22 de jan - 10h01